APAIXONADOS POR CRISTO – Dia 14

QUAL AMOR FALA MAIS ALTO?

Texto: “Não ameis o mundo, nem o que no mundo há. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele. Porque tudo o que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não é do Pai, mas do mundo. E o mundo passa, e a sua concupiscência; mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre. ” (1 João 2.15-17)

Alguma vez você já se perguntou pelo o que seu coração arde? Muitas vezes deixamos de nos perguntar isso e acabamos vivendo nossas vidas de forma desenfreada, amando as coisas deste mundo, e deixando as coisas de Deus de lado.

É muito interessante que o Apóstolo João nos fala, em sua primeira carta, capítulo 2, que as coisas do mundo passarão, mas aquele que permanece em Cristo, permanecerá eternamente. Com certeza você já se pegou, em algum momento, amando o mundo ou até mesmo mantendo aquele seu “pecado de estimação” sempre contigo. Às vezes, parece muito difícil deixar de amar o pecado para amar as coisas de Deus, pois coisas do mundo sempre parecem mais agradáveis do que as renuncias que temos que fazer diariamente para nos aproximarmos do Criador. 

Nós somos movidos a abraçar este mundo, a sermos egoístas, a deixarmos de lado o amor a Cristo. Somos tentados a desejar as coisas carnais. Lutero escreveu: “Primeiro a concupiscência da carne deve ser vencida, e isso é feito mais facilmente. Segundo, está é a mais difícil, a concupiscência dos olhos, pois ela não pode ser abandonada de uma só vez, como a primeira, e sim de forma gradual. Finalmente, a mais difícil é a soberba da vida. Ela, igualmente, nasce da vitória sobre os vícios. Por isso embora possa ser abandonada ou mesmo falhar, ela não é vencida, a menos que pereça por completo devido a sua própria iniquidade. É o tipo mais prejudicial de vício, que coloca a pessoa no limite entre a Glória de Deus e a iniquidade. ”. A partir do momento em que abrimos mão de viver esse egoísmo, Deus começa a trabalhar nas nossas vidas. Obviamente, não é uma escolha fácil. São processos que exigem renuncias.

Certa vez ouvi de uma amiga: “Estava pensando como deixamos de buscar a Deus. Pensamos apenas no que nós podemos fazer para satisfazer a nossa vontade, e esquecemos que esse mundo um dia vai acabar. E dessa forma, o que nós temos feito para o nosso Reino nos Céus? ”. Realmente muitas vezes pensamos e realizamos coisas só para o nosso próprio ‘mundo’ pessoal, e ignoramos que aqui somos apenas passageiros.

Há ainda tempo para mudar. Existe um novo tempo separado para aqueles que buscam viver uma nova vida com Cristo; uma vida sem culpa, livre de todo o peso do passado. Mas para isso, precisamos entregar todas as áreas da nossa vida, da mesma forma como o salmista diz, em Salmos 139: “Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração; prova-me, e conhece os meus pensamentos. E vê se há em mim algum caminho mau, e guia-me pelo caminho eterno. ” (Salmos 139:23,24). Permita que Deus faça isso na sua vida, dê liberdade para ele se mover dentro de você, e ir transformando o seu coração e os seus desejos.

Aquele que vive esse amor, é separado por Deus para viver com Ele toda a eternidade. Tudo o que fazemos na terra é ligado no céu, todas as nossas atitudes, todos os nossos atos. E é somente você que pode tornar isso possível. É uma luta diária vencer o mundo e o pecado, mas nEle tudo podemos e poderemos: “Eu lhes disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o Mundo” (João 16:33)

Reflita hoje sobre a sua vida. O que você tem amado? O que tem movido o seu coração? Quais são as suas motivações? Entregue seu amor carnal para Deus, e permita que Ele comece a fazer a nova obra na sua vida. Ore para que o Criador faça a obra completa e transforme o seu coração. E jamais esqueça que ”o mundo passa, e a sua concupiscência; mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre

UPC – Ministério de Universitários da Primeira Igreja Batista de Curitiba.

Gostaríamos de agradecer a Primeira Igreja Batista de Curitiba por fornecer esse Devocional.

Para mais informações, visite: https://www.pibcuritiba.org. br /

Autores: Dayse Morais; Filippe de Castro Raimundo; Gabriel Lago; Guilherme Henrique Trevizan; Larissa Yurkevitch Damigo; Leonardo Santos Tozin; Luis Augusto Baisch Soares; Luiz Fernando Virmond Farah; Marcelo Kenji Saita; Rafaela Antunes; Roberta Maziero; Stephanie Jimenes Tassoulas)

Compartilhe! 👇🏿 | Alguém precisa de você.

Deixe um comentário